Técnicas para melhorar suas campanhas no Facebook

Usar as redes sociais para aumentar as vendas da empresa é uma ideia inteligente, mas você precisa saber como fazer isso. De acordo com dados publicados pelo Facebook, quase 80 milhões de empresas de pequeno e médio porte usam a plataforma para anunciar produtos e serviços. A sua empresa, provavelmente, faz parte dessa estatística, mas suas campanhas no Facebook têm dado retorno? Nas próximas linhas, falaremos o que você pode fazer para melhorar!

A importância do Facebook Ads

O Facebook Ads é a ferramenta de anúncios que integra Facebook, Facebook Messenger e Instagram. Ela ajuda as empresas em uma série de fatores, como:

  • Promover a popularidade
  • Gerar autoridade no mercado
  • Aumentar as vendas

Mas isso só é possível se você criar campanhas que sejam realmente efetivas para o seu público. A boa notícia é que a ferramenta pode te ajudar. Muito usado nas estratégias de Marketing Digital, o Facebook Ads tem vários recursos para uma campanha publicitária efetiva, basta saber usar.

Tipos de campanhas no Facebook

Campanhas no Facebook são muito comuns e podem ser usadas para diversos objetivos, como:

  • Geração de leads
  • Envolvimento/Engajamento
  • Curtidas na página
  • Tráfego para o site
  • Visita à loja física
  • Convite para eventos
  • e muito mais

Os anúncios podem ser muito versáteis e usados de todas as formas possíveis, mas você sabe quantos formatos existem?

Imagem

Você pode usar o formato de imagem no Feed de Notícias do Facebook para mostrar os seus produtos e serviços. Para isso, use imagens atraentes para incentivar as pessoas a clicarem no anúncio. Mas, atenção com as especificações das campanhas de imagem.

Recomendações de design

  • Tipo de arquivo: JPG ou PNG 
  • Taxa de proporção: 9:16 e 4:5 a 1,91:1 a 1:1
  • Resolução Feed: 1080 x 1080 pixels
  • Resolução Stories: 1080×1920 pixels
  • Duração máxima do Stories: 5 segundos

Recomendações de texto

  • Texto principal: 125 caracteres 
  • Título: 40 caracteres
  • Descrição: 30 caracteres

Veja o exemplo abaixo em que o título (até 40 caracteres) é a frase Relógio de Ponto com Leitor Facial e a descrição (até 30 caracteres) é Fale com um consultor.

Requisitos técnicos

  • Tamanho máximo do arquivo: 30 MB
  • Largura mínima: 600 pixels
  • Altura mínima: 600 pixels
  • Tolerância da taxa de proporção: 3%

Vídeo

O vídeo é o formato mais popular no momento, por isso pode ser uma boa alternativa para suas campanhas no Facebook, tanto no feed quanto nos Stories. Confira as recomendações para anunciar neste formato:

Recomendações de design

  • Tipos de arquivo: MP4, MOV ou GIF 
  • Taxa de proporção: 9:16 e 4:5 a 1,91:1 a 1:1
  • Codec suportado: H.264 e VP8 (vídeo), AAC e Vorbis (áudio)
  • Resolução Feed: 1080 x 1080 pixels
  • Resolução Stories: 1080×1920 pixels
  • Legendas do vídeo: opcional, mas recomendado
  • Áudio do vídeo: opcional, mas recomendado
  • Duração máxima do Stories: 15 segundos

Os vídeos não devem conter listas de edição nem caixas especiais nos recipientes dos arquivos.

Recomendações de texto

  • Texto principal: 125 caracteres 
  • Título: 40 caracteres
  • Descrição: 30 caracteres

Requisitos técnicos

  • Duração do vídeo: um segundo a 241 minutos
  • Tamanho máximo do arquivo: 4 GB
  • Largura mínima: 120 pixels
  • Altura mínima: 120 pixels

Carrossel

Você pode usar o formato de carrossel e mostrar até dez imagens ou vídeos em um único anúncio, cada um com um link próprio. É uma maneira inteligente de mostrar vários produtos ou serviços no mesmo anúncio, criar uma montagem ou até contar uma história.

Recomendações de design

  • Tipos de arquivo de imagem: JPG ou PNG 
  • Tipos de arquivo de vídeo: MP4, MOV ou GIF 
  • Proporção: 1:1 
  • Resolução: pelo menos 1080 x 1080 pixels 

Recomendações de texto

  • Texto principal: 125 caracteres 
  • Título: 40 caracteres
  • Descrição: 20 caracteres 
  • URL da página de destino: obrigatória

Requisitos técnicos

  • Número de cartões do carrossel: dois a dez
  • Tamanho máximo do arquivo de imagem: 30 MB
  • Tamanho máximo do arquivo de vídeo: 4 GB
  • Duração do vídeo: um segundo a 240 minutos
  • Tolerância da taxa de proporção: 3%

Coleção

As campanhas de coleção têm uma imagem ou um vídeo na capa, completada por quatro imagens de produtos ou serviços. Quando alguém clica em um anúncio em coleção, abre a chamada experiência instantânea. Trata-se de uma página de destino em tela cheia que busca gerar mais engajamento. Na experiência instantânea você pode usar os modelos Vitrine, Aquisição de cliente  ou criar uma experiência personalizada.

Recomendações de design

  • Tipos de imagem: JPG ou PNG 
  • Tipos de arquivo de vídeo: MP4, MOV ou GIF 
  • Proporção: 1:1 
  • Resolução: pelo menos 1080 x 1080 pixels 

Recomendações de texto

  • Texto principal: 125 caracteres 
  • Título: 40 caracteres
  • URL da página de destino: obrigatória

Requisitos técnicos

  • Experiência instantânea: obrigatória
  • Tamanho máximo do arquivo de imagem: 30 MB
  • Tamanho máximo do arquivo de vídeo: 4 GB

Todas as recomendações citadas neste artigo vieram do próprio Facebook e você pode conferir aqui.

Agora que já falamos sobre os objetivos das campanhas no Facebook e conhecemos os formatos, vamos ver como melhorar os resultados?

1 – Instale o Pixel

A primeira coisa que você precisa fazer é instalar o pixel do Facebook no seu site. A ferramenta ajuda a rastrear as ações realizadas no seu site, para que assim, você possa saber mais sobre os clientes e as pessoas que se envolvem com sua empresa e otimizar suas campanhas de anúncio para alcançar as pessoas certas.

Se você precisar de ajuda na instalação do Pixel, o próprio Facebook pode te ajudar. Para isso, visite a Central de Ajuda para o Anunciante para saber mais sobre como instalar o pixel do Facebook.

Você pode testar facilmente se o seu site já possui o pixel corretamente instalado usando um plugin Facebook Pixel Helper para Chrome, disponibilizado pelo Facebook. 

2- Use os filtros de segmentação

Instalado o Pixel, agora você vai começar a entender o comportamento do público e vai conseguir criar ações mais eficientes para encontrar as pessoas certas. O Facebook Ads permite segmentar campanhas por perfil usando filtros como:

  • Idade
  • Gênero
  • Cidade
  • entre outros

Assim, seus anúncios aparecem para as pessoas com maior chance de compra/clique.

Mas não é só isso. A plataforma também permite criar públicos personalizados para alcançar clientes ou pessoas que se envolveram anteriormente com sua empresa, e até mesmo criar públicos semelhantes para atrair perfis parecidos com o de seus clientes.

3- Rastreie o tráfego das campanhas

No Marketing Digital, você consegue mensurar cada ação realizada para poder melhorá-la, mas ainda hoje, a maioria das ferramentas de web analytics, como o Google Analytics, não conseguem separar o que é tráfego pago do orgânico.

Para resolver esse problema, recomendamos usar UTMs (links com parâmetros de rastreamento) para saber a origem do tráfego e tornar a sua vida mais fácil. Então, para criar uma UTM para sua campanha, use o URL Builder, ferramenta do Google Analytics e depois, no Facebook Ads, coloque as tags necessárias na opção avançada do anúncio.

Veja o exemplo de como deve ficar a parte final de um link com UTM na campanha do facebook: utm_source=facebook&utm_medium=cpc&utm_campaign=campanha01&utm_content=anuncio01

4- Trabalhe o senso de urgência

Gerar urgência é uma das estratégias mais poderosas do marketing e, por isso, você precisa começar a fazer isso. Afinal de contas, você pararia tudo o que está fazendo para comprar um produto que não necessariamente precisa se soubesse que ele estará disponível em outro momento?

Agora imagine a situação inversa: se você não comprar agora, não terá outra chance. Desesperador, né?

É um fato que as pessoas ficam mais propensas a agirem se tiver um prazo limite na oferta. Então se você ainda não usa a na sua copy, está na hora de começar.

Mas lembre-se: para funcionar, a sua oferta realmente precisa ter tempo limitado. Dizer apenas “compre agora” é diferente de “compre até a meia noite com desconto de 50%”.

5- Faça teste A/B

Não existe receita para fazer uma boa campanha no Facebook. Ou seja, mesmo que alguma prática já tenha funcionado antes ou com alguém, não existe garantia de que ela funcionará de novo. Então o que você precisa fazer é testar!

Por isso indicamos que você teste versões da mesma campanha para descobrir qual tem o melhor desempenho. Use uma das peças como modelo principal e na segunda, altere um elemento por vez: texto, imagem, CTA ou o formato. Dessa maneira, saberá o que fez diferença para o seu público e poderá replicar o aprendizado nos próximos anúncios.

Peça ajuda de especialistas para melhorar suas campanhas no Facebook

Se as dicas desse post foram muito técnicas para você, não tenha medo de procurar ajuda. Afinal de contas, você quer o melhor para a sua empresa, não é mesmo? Então busque quem entende do assunto e melhore seus resultados agora mesmo. Entre em contato agora, nós somos o parceiro que você precisa para chegar mais longe!

Henrique Neto

Jornalista e redator especialista em copywriting e Marketing Digital na Olivas Digital

Publicado em 02/08/2021